sexta-feira, 26 de novembro de 2010

"O EVANGELHO INTEGRAL NA ÍNTEGRA"



Existem alguns termos e idéias que viram chavões na boca dos cristãos,"evangelho integral" é um deles,tenho ouvido falar demais nisso ultimamente...é algo como se a igreja tivesse que se envolver mais em questões sociais,sair mais das quatro paredes,o que concordo,diga-se de passagem...o que incomoda as vezes são os modismos criados por esses chavões,e daí é mais uma gíria na boca dos "crentes" do que uma prática de fato,e aí o descrédito vem com força e com o tempo é mais uma moda que se vai,assim como foi com outros termos do tipo "movimento de Jesus","avivamento" e " geração de adoradores"...coisas desse tipo,que a gente ouve a exaustão por um tempo e até que surja o novo chavão e incrivelmente um movimento dá lugar ao outro,assim como missões urbanas é outra coisa que tá em voga hoje em dia,mas pouco se vê da verdadeira missão urbana,ou melhor,da verdadeira missão da igreja,aquela que sustenta orfão e a viúva,aquela que vive o evangelho integral na íntegra e que amo de fato e não de palavras.Vale a reflexão? Então vamos refletir!!!

2 comentários:

  1. A questão de termos "lançados" pelos "crentes" foi bem sbordada. Modismos são fases, momentos. O verdadeiro cristão não deve viver baseado em momentos e sim, com os pés fincados no chão. Vivendo a sua realidade, a realidade cristã baseada na Palavra de Deus. Arregaçar as mangas e ir para o "campo de batalha". Cabe ao cristão ter mais ação, e se desprender de palavras e gestos.

    Mirian Mendes.

    ResponderExcluir
  2. legal míriam,é exatamente isso..bjo

    ResponderExcluir